Renato Duque acusa sem provas em busca de benefícios

9 maio

VOCÊ COMPARTILHARIA? ENTÃO O FAÇA.
SIMPLES ASSIM.

bloglimpinhoecheiroso

Via A Verdade de Lula em 5/5/2017

O depoimento de sexta-feira, dia 5/5, do ex-diretor da área de serviços da Petrobras Renato Duque segue o padrão já identificado nas declarações dos novos candidatos a delatores que o antecederam, caso de Léo Pinheiro, ex-presidente da OAS, e de seu subordinado Agenor Medeiros. Eles citam Lula, falam de encontros e de conversas com o ex-presidente, mas não têm qualquer prova do que afirmam. Ao dizer que Lula tinha “pleno conhecimento de tudo, tinha o comando”, Duque busca por em pé perante o Juízo da 13ª Vara Criminal Federal de Curitiba a falaciosa tese do procurador Deltan Dallagnol explorada no seu famoso PowerPoint e que foi negada por 73 testemunhas já ouvidas sob o compromisso de dizer a verdade. Depoimentos cruzados – e certamente combinados – não substituem provas.

Nos três casos, chama a atenção que os advogados dos réus tenham feito questionamentos…

Ver o post original 195 mais palavras

Anúncios

2 Respostas to “Renato Duque acusa sem provas em busca de benefícios”

Trackbacks/Pingbacks

  1. TAQUIOPA! POBRE BRASIL, NEM SABE QUE ESTÃO A TRANSFORMÁ-LO EM UM PUTEIRO.. | Gustavo Horta - 10 10UTC maio 10UTC 2017

    […] Renato Duque acusa sem provas em busca de benefícios […]

    Curtir

  2. QUANTOS AINDA NÃO SABEM. QUANTOS AINDA NEM PERCEBERAM. ☆☆ COMPARTILHE ☆☆ | Gustavo Horta - 11 11UTC maio 11UTC 2017

    […] Renato Duque acusa sem provas em busca de benefícios […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: