O Fantástico da Globo escancara as portas para o fascismo ao criminalizar formas de sustentação coletiva do MST

7 nov

QUEM BATE, ESQUECE. QUEM APANHA, NÃO ESQUECE JAMAIS. UM DIA A GENTE DESCONTA TUDINHO!
> https://gustavohorta.wordpress.com/2016/11/06/quem-bate-esquece-quem-apanha-nao-esquece-jamais-um-dia-a-gente-desconta-tudinho/

“…Como bandidos, policiais invadiram a Escola Nacional Florestan Fernandes pulando o muro e a janela da recepção do prédio. “Demonstração covarde e truculência típica de regime de exceção”, disse Wagner Moura sobre o incidente. Confira como foi a ação em fotos e vídeos.

…Os policiais pularam o muro e a janela de recepção do prédio e entraram atirando para cima. Foram utilizadas munições letais. Duas pessoas foram detidas na escola.

“O MST repudia a ação da polícia de São Paulo e exige que o governo e as instituições competentes tomem as medidas cabíveis nesse processo. Somos um movimento que luta pela democratização do acesso a terra no país e a ação descabida da polícia fere direitos constitucionais e democráticos”, diz o comunicado dos Sem Terra.

Para o MST, a operação reafirma a “tese de que movimentos sociais são organizações criminosas, já repudiado por diversas organizações de Direitos Humanos e até mesmo por sentenças do STJ”.

“Covardia típica de regime de exceção”…””
paranc3a1

Luíz Müller Blog

paranaA rede Globo, através do Fantástico deste domingo continuou sua senda fascista ao publicar uma reportagem que tem por único objetivo criminalizar o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra. O que é usual nos Movimentos, de sustentar de forma cooperativa e coletiva as ações, como no caso da contribuição financeira para o pagamento da Energia Elétrica e a divisão de tarefas, como a manutenção da segurança dos assentamentos e acampamentos, para a Globo e a polícia seriam “crimes”. Aliás, a manipulada e politizada polícia de Beto Richa, que não teve pruridos em espancar professores em praça pública  agride constantemente os movimentos sociais é o pivô deste ataque, ladeado pela Polícia de Alckmin, que invadiu a Escola Florestan Fernandes, atirando e agredindo violentamente alunos, professores e até vizinhos da Escola. Neste Blog tenho alertado sobre a instalação do fascismo no Brasil. Esta é só mais uma prova. O fascismo entrou pela porta…

Ver o post original 687 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: