O GOLPE É CONTRA A SOBERANIA DO POVO BRASILEIRO: Xadrez da teoria do choque e do capitalismo de desastre

14 set

CorruPTos: Que se vayan todos … a la mierda!!!
> https://gustavohorta.wordpress.com/2016/09/14/corruptos-que-se-vayan-todos-a-la-mierda/

“…Muito curiosas as análises que podem ter, em uma linha final de conclusão, a intenção de defender ou justificar um golpe de estado.

Se as práticas do PT em muito se assemelharam às práticas dos seus antecessores, nenhum deles passou por um golpe das elites que, em tudo por tudo, odeiam as classes populares que finalmente apenas começavam a se alimentar – e digo se alimentar de forma literal.

Quem sabe poderiam até conseguirem algum lugar ao sol em uma ou duas gerações… Quem sabe… Quem saberia… Nunca se saberá. né não?

As elites, subordinadas a interesses que desconheço, mas tenho minhas suspeitas, usaram e abusaram dos poderes midiáticos cretinos e covardes, cooptando praticamente todo o legislativo, parte significativa no próprio executivo e, por fim, mas pior, cooptando o próprio poder judiciário.
Enfim, fim da república, fim da democracia, nascimento de uma nova ditadura de direita, como recém tivemos sob as garras de um truculento regime conduzido, em tese, pelos militares. Há quem diga que o poder de fato era oriundo de uma certa agência de inteligência de uma grande potência assassina que por aí vagueia livre e onipotente. Parece que tudo voltou. Uma merda. Ainda um dia desses aí, voltou-e a viver a época dos arapongas do, dizem, extinto SNI. …”

BLOG DOS SERVIDORES DA PREVIDÊNCIA SOCIAL

14.09.2016
Do potal JORNAL GGN
Por Luis Nassif

Há um conjunto de peças soltas no golpe que, quando devidamente organizadas, permitem entender de modo muito mais claro um dos aspectos mais relevantes: a influência externa.

São elas:

  • 1.     A campanha sistemática da mídia de destruição da autoestima nacional.
  • 2.     Recém instalado o golpe, a corrida do ouro entre Eduardo Cunha e José Serra, para ver quem se antecipava na aprovação da nova legislação do petróleo.
  • 3.     A ida repentina do senador Aloysio Nunes aos Estados Unidos, para conversar com membros do Senado.
  • 4.     Antes dele, a ida do Procurador Geral da República aos Estados Unidos, para reuniões com o Departamento de Justiça e outros setores sensíveis.
  • 5.     A bandeira mágica que acompanha o golpe, de colocar a salvação do Brasil no trinômio reforma da Previdência-livre fluxo de capital-desregulação/privatização.

Para juntar as peças acima, vale a pena um mergulho no livro “Teoria…

Ver o post original 2.259 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: